Quando a bola não rola

O noticiário de futebol, quando não há futebol em nosso quintal, é árido. É seco, sem cor, mas rico em especulações. E de natureza porosa e de teorias furadas. Ainda a pouco deu-se como notícia a contratação de mais um jogador para o Avaí, para depois se dizer que o clube nunca esteve interessado nele. Em outro ponto, diretores e comissão técnica se engalfinhavam num CT, mas o silêncio pautado num cantinho qualquer da cidade não permite aprofundamentos. Suspeita-se que pode haver uma entregada de jogo leviana e vergonhosa numa certa partida no domingo, porém nada é mencionado.

Esta é a mídia que nos serve. Repórter, segundo os alfarrábios da academia, tem como função reportar a notícia que salta à sua frente. Aqui, no Sul do mundo, o repórter pede permissão a presidentes de clubes ou mesmo à Federação antes de dar a informação. Outros mandam blogueiros e torcedores ficarem em seus cantos, sem dar opinião, quietinhos, como bem “orientava” a ditadura antigamente.

O fato é que vivemos numa canastrice medonha de nossa mídia e com apoio dirigido.

Por que tem gente chamando de parceria os contratos feitos entre a rede famosa e os clubes catarinenses? Agora chegou a minha vez: porque tem gente sendo paga para escrever estas sandices. Suas caudas volumosas estão repticiamente presas em alguma redação. Ou querem um empreguinho por lá? Se dizem de mim também vou dizer de quem eu entender. Vamos ver quem tem mais credibilidade agora?

Eu tenho o direito à dúvida. Vivo numa democracia. Ué, um monte de gente conhecida aí da patuléia não diz que o Zunino é picareta, mafioso e que deixará o Avaí numa dívida astronômica? Se essas tolices podem ser ditas, por que não posso dizer as minhas?

A pauta que segue daqui por diante, subliminar e constante, é a de que o Avaí deve se manter no seu reduto, também quieto, sem muitas pretensões na vida, haja vista que é pequeno e insignificante. A bordoada que querem dar no Marquinhos está sendo pautada, sob risadas escondidas, ao vivo e a cores nas ondas do rádio. Marquinhos tem que se comportar como lorde inglês, sereno, calado, aceitar que se prejudique seu time e calar a boca. Essa é a proposta muito bem-intencionada. Marquinhos tem boca grande, é o tema que ronda pelas redações anabolizadas e, vejam só!, repercutido por alguns torcedores avaianos que se mantém refratários à mídia tradicional, mas mantém o mesmo discurso deles. Curioso, não leitor? É o maior barato! Você bate na imprensa conhecida, mas faz uma enfiada de argumentos exatamente igual ao que eles pensam. Que lástima! E eu é que vivo copiando as falas do Zunino?

E aí, nesse meio tempo, como o Avaí não pode crescer, não pode ter um jogador de destaque, não pode ganhar do time da mídia, também deve aceitar os contratos da rede. “Ora”, diria Palas Atena do alto do Monte Olimpo exalando a sua elucubrada inteligência, “mas estes clubes aceitam porque querem. Rebelem-se, infelizes!”

É verdade, os dirigentes de clubes catarinenses, falidos e mal pagos, devem ir até à praça 15, caras pintadas, batendo latas e esbravejando em alto e bom som: FORA, RBS! Com faixa e tudo. E o pombo idiota aqui sou eu.

Engraçado. Até bem pouco tempo o Campeonato Catarinense era apenas uma preparação para os chamados filé mignons nacionais, Copa do Brasil e Série B, e quem sabe Série A mais à frente, mas agora o Chevroletão ficou importante. Quem será que comprou e apostou no campeonato? Será que é por isso que só passam os jogos de nossos clubes e os da Copa do Brasil são deixados de lado? Na presumível possibilidade de o Avaí conseguir uma classificação extraordinária em dois focos, não pode, porque vai dar muito na vista. Tem que se manter no seu lugar, pequeno, frágil, limitado. Que é mais fácil de dominar, né mermo?

Como mudam os discursos, hein? O que não fazem algumas pizzas entaladas na garganta.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s