Santa má-vontade,Batman!

Eu fico impressionado com as bobagens que se diz no mundo do futebol. Claro, o papel aceita tudo, diz a lenda que somos todos torcedores-treinadores e a democracia está aí para que a opinião seja livre e garantida. Respeito tudo isso, mas muita coisa eu não concordo.

Ao ler o que se diz, escreve e publica no entorno da Ressacada, fiquei sabendo que Marquinhos Santos foi poupado devido a, além de outras coisas, idade (idoso e em fim de carreira? Santa Mãe do Guarda!) e estresse pós-Grêmio. Claro, depois de muitos anos, já envelhecido e acabado, a senilidade pesa no Galego, mas não lhe dá maturidade para resolver pendências dos ex-clubes onde jogou. Contradição isso? Não, apenas uma forma de se encher linguiça e fazer volume em jornal.

Mas soube, também, que clubes como o Avaí, sem organização e planejamento, e ainda sem um time titular (tá dito por aí!), mesmo que tenha entrado com a mesma escalação por dois jogos, está penando na série B, ainda que tenha feito uma vitória em casa e um empate fora, situação perfeitamente normal.

Claro que isso é normal, tão normal quanto essa gente querer achar centopéia bípede e galinha com dentes e vontade de sempre ver o lado azedo da laranja.

As dificuldades que se encontra na Série B são absolutamente previsíveis. Nos dói ver um time jogando um futebol ruim em campo, evidentemente, e nenhuma sumidade precisa sair por aí declarando isso. E dói mais ainda quando esse time é o nosso. Mas quem não usa de má-vontade e não está a fim de se tornar cabeleireiro de ovo,  pode perceber que é questão de tempo para este time se acertar. Com Ricardinho ou sem Ricardinho, nem que seja na teimosia, mas ele vai se acertar.Está dfícil, mas vai acertar.

O importante, para ser bem claro, é apontar as soluções, fazer críticas construtivas, oferecer oportunidades de melhorias, mas não inventar para posar de sabichão.

E como diz aquele bocó “pinchado”, que faz as honras da casa da mediocridade midiática e é seguido por outra meia dúzia de bocós, eu não me aposento com um bom salário.

Anúncios

A declaração de Ricardinho

Ontem li uma reportagem no site INfoesporte cujo título da matéria é o seguinte: “Inspirado em Silas, Ricardinho quer superar críticas da torcida”.

Segundo a matéria o treinador disse o seguinte:

“- Todo torcedor é técnico. A gente entende e isso é normal. O próprio Silas, que subiu com o time, teve uma situação como essa. Faz parte – afirma o técnico.”

Pois alguém precisa falar para o Ricardinho que o melhor momento do Silas, no Avaí, nem foi com o acesso em 2008, foi no ano seguinte, quando o Avaí da zona de rebaixamento emendou resultados consistentes e terminou o campeonato na sexta posição (se tivéssemos iniciado melhor o brasileirão de 2009, poderíamos ter sonhado até mesmo com o título, ou ainda, garantido uma vaga na Libertadores). Mas qual, ou quais foram as mudanças ocorridas naquele Avaí de 2009 que proporcionaram tamanha “virada”, com matéria especial até no Jornal Nacional? Silas passou a atuar com três zagueiros e colocou no ataque um jogador de velocidade (Roberto).

Na conjuntura atual, três zagueiros pode até não dar certo no Avaí (durante o ano, vimos algumas ocasiões, durante os jogos, em que Paulinho e até mesmo, mais recente, o Bovi fazendo o papel de terceiro zagueiro), mas Ricardinho não pode pecar por não ter tentado. E, às vezes, uma tentativa desta pode ter melhor êxito se ocorrer fora de casa.

Ah, mas o Ricardinho não vai fazer isto sem treinamento, podes afirmar.

Realmente acredito que não faça!

Além do mais, ele sequer levou três zagueiros para o Ceará, vás impôr.

Verdade!

Mas eu gostaria muito que o Ricardinho surpreendesse hoje e escalasse o Avaí com três zagueiros: Alex Lima, Alê e Leandro Silva.

No meio eu colocaria Eduardo Costa, Cléber Santana, Bovi (ou Ricardinho), Julinho – será esta a última chance/oportunidade do jogador? -, Higor e Diego Jardel. E no ataque o Márcio Diogo.

E, você, o que pensa sobre o Avaí com Ricardinho?

Campeonato RA Racing 2013 – Kart Amador – Nova Parceira

O portal Todo Esporte SC tem a honra de anunciar a parceira com o Campeonato RA Racing 2013, campeonato este que conta com os melhores pilotos amadores de kart de Santa Catarina, com muitos pilotos campeões nas diversas categorias que já participaram no automobilismo nacional. A partir de hoje o Portal fará uma cobertura das etapas e crônicas exclusivas do piloto Alan Aguiar, que faz parte  do grupo de colaboradores do Portal.

Acesse o site do Campeonato RA Racing 2013 e fique por dentro da classificação e conheça os pilotos e equipes.

Campeonato RA Racing 2013 – Kart Amador – ETP 04 – Renee Vence e Gilberto é o Novo Líder

A categoria AS é sinônimo de competitividade e mais uma vez teve quatro baterias com muita emoção, deixando o campeonato cada vez mais equilibrado e até o momento é impossível definir quem será o primeiro campeão da AS na história do campeonato RA Racing.

A primeira bateria do dia teve a pole position de Leandro Seabra, que também marcou o recorde da pista com 01:06.46, e venceu a bateria com bastante vantagem para o segundo lugar. Fabio Miranda, que largou em 11º, fez uma ótima prova de recuperação e terminou em segundo, o terceiro foi Renee Gonçalves. Allan Becker e Guilherme Albuquerque completaram os 5 primeiros.

Na primeira bateria do grupo B, a pole foi de Gabriel Meister, mas no transcorrer da prova foi Roger Moraes que brilhou para garantir a vitória na bateria, Gabriel Meister foi o segundo, a terceira posição foi do constante piloto paranaense, Marcos Carcereli. Rick Rosin terminou em quarto com Gilberto Moises em quinto.

A bateria A2 foi a consolidação da vitória na etapa de Renee Gonçalves, que já havíamos previsto no resumo da terceira etapa, ele venceu sua bateria, seguido pelo seu companheiro na Toro Rosso, Eduardo Guidi. O terceiro foi Gabriel Meister, com Leandro Seabra na quarta posição e Ricardo Lins em quinto.

Terminando o dia da AS, foi a vez da B2 entrar na pista e Gilberto Moises fechou com chave de ouro o final de semana, vencendo a prova e assumindo a ponta geral da classificação, Allan Becker cruzou em segundo lugar e ganhou boas posições no campeonato, Marcos Carcereli foi o terceiro, seguido por Marco Brasil e Fabio Miranda.

Com 4 etapas e 16 baterias disputadas a liderança mudou novamente de mãos, Gilberto Moises esta na frente com 310 pontos, Renee Gonçalves agora é o segundo com 309, Marcos Carcereli caiu para terceiro e agora soma 308 pontos. Allan Becker é o quarto, também com 308 pontos, tal como Leandro Seabra, Gabriel Meister está em sexto com 305. Eduardo Guidi é o sétimo, apenas 9 pontos do líder, com 301. Marco Brasil está em oitavo com 295 pontos, seguido por Nelson Rabelo com 282 e Fabio Miranda em décimo com 281.

No campeonato de equipes, a Toro Rosso segue na ponta com 610 pontos, a Speed Kart 1 esta em segundo com 600 pontos. A Euro Kart assumiu a terceira posição com 589, Floripa Kart Sport e Top Imports Team fecham as 5 primeiras.

A próxima etapa será dia 9 de junho e será disputada em paralelo como os eventos da Red Bull Kart Fighter, também será utilizado o traçado da Red Bull, desta forma a RA Racing estimula a participação de todos os pilotos no Red Bull Kart Fighter.

Campeonato RA Racing 2013 – Kart Amador – ETP 04 – Novos Lideres e Mais Disputas

A 4ª etapa do Campeonato RA Racing 2013 mostrou que a competição pelo primeiro lugar esta cada vez mais acirrada e os favoritos ao titulo vão aparecendo. Na primeira parte do resumo da 4ª etapa, vamos trazer tudo que aconteceu nas categorias SP e NP.

Na categoria Super Pesados, tivemos um equilíbrio nas 4 primeiras posições. A pole position ficou com Fabio Miranda, que brigou intensamente com Roger Moraes para manter se na ponta e vencer a prova. Essa foi a 3ª bateria vencida por Fabio Miranda, sendo uma vitória em cada categoria, o primeiro piloto a conseguir esse feito.

A segunda posição foi de Roger Moraes, que teve um excelente fim de semana, Gilberto Moises fechou o pódio com a terceira posição. O vencedor da primeira prova, Marco Brasil, foi apenas o sexto colocado, perdendo a liderança do campeonato.

O novo líder da SP é Fabio Miranda com 84 pontos, apenas 3 a mais que Marco Brasil, agora o segundo com 81 pontos. Roger Moraes é o terceiro com 77 pontos. Aldori Puttkammer, Leandro Seabra, Arnaldo Junior, Norberto Will, Marcelo Filho e Jorge Garcia fecham os 10 primeiros depois de 2 etapas disputadas.

A categoria NP levou muita emoção em duas baterias com muita disputa entre os pilotos. Na primeira bateria a pole ficou com Leandro Oliveira, que dominou a bateria e enfim conseguiu sua primeira vitória na categoria. A segunda posição foi de Jader Possebon, que fez uma prova excelente, depois de largar na 10ª posição.

O terceiro foi Norisval Junior, subindo assim na tabela de classificação, Bruno Boehm terminou novamente bem colocado, agora na 4ª posição. Norberto Will terminou em 5ª, depois do jogo de equipe com Enio Junior, que terminou em 6º.

A segunda bateria era aguardada, pois todos esperavam a disputa entre Gustavo Souza e Luiz Oliveira, favoritos ao titulo da NP. A disputa foi de tirar o fôlego, com ultrapassagens constantes e com uma grande recuperação de Gustavo Souza, que rodou nas primeiras voltas da prova. O vencedor foi Gustavo, sendo o primeiro piloto da NP a vencer duas baterias. Luiz Oliveira ficou em segundo e manteve sua boa posição no campeonato. Fabiano Straube conseguiu mais uma vez uma ótima posição com o terceiro lugar e se aproxima a cada prova da primeira vitória. Rafael Barni voltou a subir no pódio, depois do retorno as pistas em 2013. Marcos Siqueira terminou na 5ª posição e Nardi Arruda, empolgado pela vitória na última etapa, terminou em 6º.

Depois de 4 etapas, a NP tem novo líder, agora é Leandro Oliveira, que assume a ponta da tabela pela primeira vez, com 164 pontos. Gustavo Souza encostou na liderança, agora em segundo com 161, em terceiro lugar está Luiz Oliveira, com 152 pontos. Norberto Will, Priscila Scaniello, Nardi Arruda, Jader Possebon, Roberto Moura, Marcos Siqueira e Alan Aguiar fecham os 10 primeiros no campeonato.

Pelo campeonato de equipes da NP, a L. Oliveira Racing abriu vantagem e agora tem 316 pontos, na segunda posição, continua a Just Racing com 276 pontos. A CTR Racing Team assumiu a terceira posição com 258 pontos, Extreme Team e Nolimite Pro completam as 5 primeiras equipes no campeonato.

2008 sempre vivo

Quando eu dou alguma opinião, eu gosto de me assegurar do que estou falando. Só caí no conto do vigário quando entrei nessa onda de que a torcida avaiana não vai ao estádio por causa dos ingressos majorados. Ela não vai ao estádio, como nunca foi foi, por preguiça mesmo. E já mostrei neste Portal a média de frequência, portanto…

Em relação à postura da torcida quanto ao início da série B, seria interessante voltar ao passado para saber como as coisas eram. Naqueles idos tempos de série B, a gente valorizava qualquer ponto ganhado na dificuldade, diferente da postura arrogante de agora.

Esta é a tabela da série B de 2008. Estou colocando aqui para efeitos de comparação. Dá pra perceber que a campanha teve seus altos e baixos e só engrenou mesmo no final, e se sabe que a torcida era menos chata (ou mais complascente) naquele ano.

2008

Só para se ter uma ideia, nas primeiras rodadas, se fosse hoje, já haveriam decretado o impeachment do presidente e as faixas e emparedamentos de agora pipocariam (ops!) nas imediações da Ressacada.