Again, de novo e novamente

Dizer o quê mais sobre o Avaí Futebol Clube? Não há o que dizer, mas reconhecer que há muitos erros, que não são pontuais, e recomeçar o trabalho. Se alguém me perguntasse agora, neste exato instante, se esse grupo do Avaí sobe, eu cravo todas as fichas como estamos na série A em 2014. Se me afirmassem que o time sobe, nego peremptoriamente.

Temos um grupo, mas ainda não há um time. E isso num futebol competitivo como a série B é de uma diferença do tamanho do Atlântico. Lamentavelmente, após dois técnicos (e vamos para o terceiro), investimentos da direção, contratações de ponta, retorno de dois ídolos, ainda carecemos de um time e, o que é pior, de preparo físico. É inacreditável, mas cada jogador parece ter somente um pulmão e ainda usa máscara de oxigênio.

O técnico Ricardinho não está mais na Ressacada, coisa que mais cedo ou mais tarde iria ocorrer. E, embora tivesse que acontecer, não é e nunca foi o principal responsável pela má performance deste time, ops, grupo, ainda que tivesse a sua parcela de responsabilidade. Há mais coisas ali que precisam ser resolvidas. Há jogadores correndo para trás, ou casando muitas pedras em batizado e quermesse de paróquia.

Os 3.442 burros (eram 3.443, mas um não pagou porque ganhou credencial pra camarote) que foram à Ressacada nesta terça-feira perceberam que não está difícil montar este time. Se é para jogar num 4-4-2, 3-4-3 ou 3-5-2, ou seja lá qual for o esquema, pouco importa, pois está estampado que é preciso um volante rápido para fazer uma das coisas mais banais do futebol, a saída de bola. E um volante duro, mas em forma, para proteger a zaga. Só isso, só estas duas coisas elementares no futebol e o jogo deste Avaí já seria diferente em 1%.

E para provar que é um grupo, mas não um time, temos zagueiros trombando no meio de campo com os volantes e centro-avante armando ou cruzando para a área, papel que seria dos laterais. TALVEZ, e grife-se esse talvez muitas vezes, pensa-se que tenha sido só isso o que levou à queda de Ricardinho. Ele tinha material nas mãos e não conseguiu montar um time. Será? No futebol, todos nós sabemos, tem dia que é noite e tem noite que nunca acaba.

A partir de agora começa a temporada das indefectíveis especulações por nomes de treinadores, que tanto ajudam a se fazer um trabalho com calma (não, pera!), mas como se diz que quem quer ajudar não atrapalha, não dá pra ser diferente. Um dia esse povo aprende.

A parada de vinte dias será providencial, o grupo precisa trabalhar o condicionamento físico e um novo treinador deverá dispor melhor este grupo em campo. Agora vai!

Quem sabe, depois da seleção do Felipão ganhar a Copa das Confederações, nos inspiremos para retornar ao bom futebol na Ressacada.

Anúncios

3 pensamentos sobre “Again, de novo e novamente

  1. Aguiar, realmente a coisa esta meio fora dos eixos e a um fio de entrar nos eixos. Parada providencial e talvez nenhum outro time vá se beneficiar tanto quanto o Avaí pode se beneficiar. Penso que a reposição deve ser rápida e que um trabalho de intertemporada já deva estar sendo planejado. Essa folga vai fazer muita gente ganhar quilos a mais pode ter certeza. Talvez seja a hora de papear ao pé do ouvido com todos os jogadores, todos mesmo.

  2. Tentei postar um pitaco hoje pela manhã e deu erro.

    Aguiar, pelo investimento que o Avaí fez, “acho” que um treinador mais experiente para administrar os problemas, além de ajustar esse grupo em campo, seria mais eficiente no sentido de aumentar as chances de acesso.

    Ontem saí da Ressacada decepcionado. Mesmo que o futebol não fosse dos melhores, pontuar é de suma importância para não deixar o pelotão da frente se afastar.

    Não gostei do trabalho do Ricardinho, mas pelo menos ele teve uma atitude digna.
    Não conseguiu ajustar o grupo e saiu antes de um desgaste maior.

    Vamos esperar, mas até o anuncio vamos ouvir uns 30 nomes por dia.

    Abraço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s