Muito a lamentar

A velha máxima do futebol, QUEM NÃO FAZ, TOMA, também pode ser comparada ao jargão saramandístico QUEM NÃO MATA, MORRE. Pois foi isso que comandou o jogo desta sexta-feira do Leão da Ilha nos Carianos.

Este empate, analisado pelo ponto de vista da competição, foi ruim. Foi péssimo. Continuamos longe na tabela para uma classificação. Mesmo que estivéssemos na ponta da tabela, na série B um empate em casa é sinal de que conceitos precisam ser revistos e comprometimentos precisam ser avaliados. A desculpa de jogos seguidos com consequente cansaço não cola.

Ora, o problema do Avaí foi postura em campo, apenas isso. As escolhas do treinador foram equivocadas, essa é a verdade.

Se o 4-5-1 é uma excelente estratégia, onde se aproveitam as características de nossos jogadores e foi eficaz nas últimas cinco partidas até agora, com o Marcio Diogo neste jogo ele funcionaria otimamente bem. Opa, mas peraí, Marcio Diogo não jogou! Então o esquema não poderia ser o mesmo. Concordas? Claro que falar depois do jogo é fácil. Mas quem é pago para resolver isso é o “soldado” na beira do gramado, que seus chapas-brancas defendem como se fosse o pai na beira da forca.

A propósito desta postura, tenho lido muito que o grupo avaiano não rende por causa de Julio Rondinelli. Não sou seu procurador e sequer o conheço pessoalmente, mas se tem uma coisa que ele tem feito é ir atrás de jogadores para o Avaí, como todo sujeito no cargo dele faz pelo Brasil afora. Agora, se as coisas não dão certas… Queres um exemplo?

Diz-se que a lateral direita é uma incógnita. Que Ricardinho assume a função porque o Julio trouxe jogadores ruins. Bom, Vinicius Bovi foi considerado um bom jogador da posição no último Paulistão e o tal de Alex Reinaldo era figurinha carimbada entre muita gente que assistia aos treinos.

– Olha, achamos o lateral direito.

– Esse cabeludo é muito bom.

– Quem será que banca o contrato do Bovi, porque este Alex Reinaldo é infinitamente melhor que ele.

Era o que se ouvia. Estou falando uma mentira? Posso dar os nomes e os endereços de quem apostava no Alex Reinaldo como nosso lateral para a competição. Mas o cara não vingou e aí a culpa é do Julio? Ele deve ter tido a mesma impressão que muitos torcedores metidos a entender de futebol tiveram.

– Ah, Alexandre, mas a função do Julio Rondinelli é exatamente observar jogadores e contratá-los.

Pois é. Ele observou a mesma coisa que a maioria viu.

Leio nas redes sociais que muita gente quer o Athos no Avaí. E se não der certo? E os jogadores que todo mundo indica por aí? Por favor, que sejamos, ao menos, coerentes.

A respeito disso, como tem gente precisando de platéia em seus blogs, meu nego. Já visse disso? Se sou este chapa-branca execrável, um merda de um puxa-saco, candidato a um cadafalso caso o Taliban assuma o poder, porque é que os senhores e senhores continuam a imitar minhas falas, ou mencionar minha existência por aí? É porque a minha presença dá platéia? Seria algum complexo de inferioridade, afinal eu ando ao lado do presidente e eles não? Sejam homens, ou mulheres, que se respeitem, ao menos. Repito: dêem-se respeito a vocês.

Anúncios

Um pensamento sobre “Muito a lamentar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s