Eu sei o que vocês fizeram no campeonato passado

E o time de valorosos e honrosos jogadores avaianos conseguiu mais uma vitória. Já estão jogando algo parecido com futebol, veja só. A dúvida que surge é se foi a mão do Pingo ou a mão no cartão de crédito que mudou tudo isso, coisa que jamais saberemos.

Mas, é fato que mudou.

Claro que o treinador avaiano terá vida longa a continuar assim, não porque tenha supostamente ajustado o time, mas até que algum “bicho” não seja pagado, ou que se peça um pouco mais de sacrifício lá na frente, ou ainda que o Miguel da rádio permita, o que se consolida como outra novela a ser encenada para os próximos capítulos.

Somos reféns, isso é o que ainda ninguém percebeu e é preciso sacar logo algumas laranjas podres do balaio. Ah, esqueci, os amiguinhos não permitem falar nisso.

Estamos, agora, é verdade, nos encaminhando para a espetacular posição de quinto colocados na classificação geral do bate-bola do Ônix do Delfim. É bom, é bacana, alivia-se a carga de um rebaixamento vergonhoso. Comemoremos, ora, pois.

O técnico azurra disse, em entrevista coletiva, que “quem sabe jogar não esquece” e eu também não sofro de amnésia. Sei onde poderíamos ter ido e vejo quem nos levou a esta situação vexatória. Não pela colocação, mas pela forma que foi.

Não lembro, do tempo que sou torcedor do Avaí, ter presenciado um bando de malandros (o nome é outro, mas eu ainda sou educado) tão irresponsáveis como estes que envergam nossos uniformes. Até a TV não nos prestigia, embora achemos isso quebra de contrato, mas também porque este Hexagonal é uma piada de mau gosto. Imagine o senhor leitor o que deve pensar o investidor estampado na camisa ou pendurado pelo estádio, tendo que financiar esta palhaçada.

Ah, sim, há alguns ingênuos (ingênuos???) que afirmam ter sido aquela “desmotivação (vou chamar assim!)” devido a administração do clube não ter resolvido pendências financeiras, o que levou os jogadores, tadinhos, a uma crise existencial, e que só poderá ser curada com o auxílio das freiras da Menino Deus. Chocante!

Mas, não vou ser estraga-prazeres e azedar este doce que a torcida avaiana está saboreando. Não sou murrinha a este ponto.

No próximo jogo, evidentemente, teremos estádio lotado para consagrar a saída definitiva do rebaixamento e chamar este time de guerreiros. Que beleza!

Segue a valsa!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s