Criciúma 1 x 1 Marcílio. Saída de Drubski !

O jogo entre Criciúma e Marcílio Dias pela sétima rodada do Catarinense poderia ser uma das questões do vestibular da UFSC para este ano:

questão 1 –  O Criciúma empatou em 1 a 1 com o Marcílio Dias em 19 de fevereiro e não conseguiu os três pontos por:

01 – Jogou sem vontade e com vontade de derrubar o técnico;

02 – O técnico Ricardo Drubski não treinou seu time;

04 – O técnico Ricardo Drubski falava em Ucraniano e os jogadores entendiam em Irlandês;

08 – Os jogadores do Marcílio são melhores que os do Tigre;

16 – O elenco do Criciúma é ruim !;

32 – Contra o Criciúma os times se matam para vencer como se fosse um jogo de final de campeonato;

64 – O árbitro influenciou no resultado amarrando muito o jogo como disse o técnico Drubski.

 

O meu somatório deu 61 e o seu ????????

Anúncios

Metrô 3 x 0 Criciúma

Essa derrota fez-me lembrar do ano passado quando o Tigre perdeu em casa para o Guarani da Palhoça e já queriam              ( imprensa e torcedores ) abandonar o planejamento. Esse resultado de nada acrescenta para mim em termos de previsão para este catarinense. Claro que agora é tiro curto, mas mesmo assim, não dá para dizer nada !  Evidente que esperar 3 meses para chegar ao entrosamento, como pronunciou o Ricardo Drubski, também é um exagero. Então que a diretoria viesse a público e apresentasse o real planejamento: usar o catarinense como laboratório para a série A. Não adianta, sempre cometemos os mesmos erros: não conseguimos manter o plantel ! E depois é essa correria, pressão,  para encontrar os resultados positivos. Ano passado deu, e teremos que aguardar para este ano. O começo está sendo terrível !

Bem, falar do time no jogo contra o Metrô ?    Que time ??????

Duas vitórias no Heriberto Hülse ! Mas o futebol…

As duas vitórias do Criciúma nos dois últimos jogos em casa deram ao Tigre a liderança. Mas o futebol apresentado foi muito confuso !  Um esquema montado pelo técnico Drubski que não tem pé nem cabeça ! Os jogadores se batem dentro do campo. Parece aquelas peladas que fazíamos no colégio em que o professor de educação física jogava a bola na quadra e todo mundo corria atrás da bola. Claro que há alguns componentes importantes como: falta de  do entrosamento, calor forte, e bla bla bla. Mas penso ainda que o agravante do sistema tático confuso do senhor Drubski tem contribuído e muito com o baixo futebol coletivo do Tigre.

Contra o Figueirense houve uma evolução sim em comparação ao primeiro jogo, mas contra o Brusque o time foi apático, vulnerável e a equipe adversária deveria ter tido uma sorte melhor. Não vou falar de arbitragem , pois no mesmo jogo tiveram outros lances polêmicos em favor do Criciúma que não foram expostos na mídia e nem se comentou.

Ainda penso que a direção deveria contratar um atacante com mais força física e o time titular do Criciúma ideal na minha opinião seria:

Galatto, Eduardo, Escudero, Ronaldo Alves, Éwerton, Serginho, João Vitor, Ricardinho, Paulo Baier, Lucca e Fernando Karanga.

Joinville 1 x 1 Criciúma

Li uma avalanche de comentários sobre este jogo e ironizando, criticando e ridicularizando a apresentação do Tigre. Mas interessante é que há comentários em que já colocam o Criciúma na repescagem do catarinense e o Jec na série A em 2015. Não aprendem !  É sempre a mesma coisa !  Pessoal, por favor, não teçam nenhum comentário de primeira rodada !

Busquem os comentários dos 5 primeiros jogos do catarinense do ano passado ! Falavam que o Criciúma poderia até cair para segunda divisão. Claro que neste ano são apenas 9 partidas e não tem returno.

Sobre o clássico:

Ontem, vários fatores predominaram nos 90 minutos:

1) O Joinville sempre come a grama quando joga contra o Tigre;

2) O Joinville atacou usando somente o lado direito e é muito pouco ; será visado nos próximos jogos;

3) O Criciúma estava morto fisicamente, desentrosado e sem vários jogadores que ainda não estrearam;

4) Erro da bandeirinha ao não marcar impedimento no gol do Tigre.

Conclusão: não me garantiu em nada que o Jec irá fazer bonito neste campeonato e na série B e nem que o Criciúma não chegará ao seu bi campeonato.

Pessoal, não dá pra dizer nada !!!!!!!     AInda……

Categorias de base do Criciúma Esporte Clube !

 

Por este vídeo ( link abaixo ) pude perceber o quanto o Tigre cresceu nos últimos 3 anos ! Ou melhor, na era Antenor! Impressionante é o resultado,  de  quando o dinheiro e a sabedoria administrativa andam juntos. Fiquei surpreso com a estrutura do nosso glorioso clube. Fazia tempo que não ouvia de um dirigente aqui de Santa Catarina um pensar “grande ” colocando como objetivo a classificação para a Libertadores neste ano. O que sempre ouvíamos era ” lutar para não cair “. Convido você a assistir este vídeo e entender porque esse clube é tão amado e porque temos tanto orgulho de ser carvoeiros !

Um tigre forte para 2014 !

Por ser muito no início ainda da temporada, as contratações do Criciúma me surpreenderam !

São eles:

Escudero (Zagueiro) – fechado

Ronaldo Alves – Internacional (Zagueiro) – negociação

Eduardo (Lateral) – Joinville –  fechado

Anderson Uchoa- Avaí –  (Volante) – fechado

Paulo Baier – Atletico PR – (Meia)  – fechado

Cléber Santana-  Avai – (Meia) – negociação

Thiago Humberto – Ceará – (Meia) – fechado

Ricardinho – renovação – (Meia) – fechado

Lulinha – Ceará -(Atacante) – fechado

Ananias (Atacante) – negociação

Rodrigo Silva – (Atacante) – fechado

Lucca – ( Meia -atacante )negociação

Renan Bressan ( Meia ) – negociação

Rodrigo ( Zagueiro ) – negociação

Agenor ( Goleiro ) – negociação

João Paulo ( Meio campo ) –  negociação

No papel, o melhor disparado de SC !   E muito forte para o Brasileirão também !

Agora é ver no gramado !

E ainda as renovações de : Marlon, João Vitor, Fábio Ferreira, Galatto, Sueliton, Serginho, Henik.